Skip to main content
GDOT

Moraes mantém suspensas redes do deputado Otoni de Paula há 1 ano e 4 meses

Nesta quinta-feira (8), o ministro Alexandre de Moraes determinou a reativação dos perfis de deputados Major Vitor Hugo (PL-GO), Marcel Van Hattem (Novo-RS), Nikolas Ferreira (PL-MG) e Gustavo Gayer (PL-GO). Porém, há 1 ano e 4 meses, as redes sociais do deputado Otoni de Paula permanecem suspensas e sem previsão de retorno.

O parlamentar teve suas redes suspensas em 2021 por determinação de Moraes, que alegou “incitação à violência contra instituições”. O parlamentar passou todo o período eleitoral sem acesso às suas páginas e ainda assim conseguiu ser um dos deputados mais votados do Rio de Janeiro.

Otoni é um dos deputados mais próximos ao presidente Jair Bolsonaro, além de ser conhecido por seus discursos enérgicos, especialmente contra o ex-presidente Lula. Ele também já denunciou que teve sua conta salário bloqueada logo após a suspensão de suas redes.

A deputada federal Carla Zambelli (PL-RJ) também teve todas as suas redes sociais suspensas e também por determinação de Moraes, após fazer publicações que questionavam o resultado das eleições 2022.

“Acabou de sair uma decisão do senhor Alexandre de Moraes, monocrática dizendo que definitivamente não vai devolver as minhas redes sociais que somam quase 10 milhões de seguidores, e entre essas redes sociais está inclusive o meu Linkedin, a minha rede profissional. Ele (Moraes) estipulou ainda uma multa de 20 mil reais para cada vídeo que eu fizer e que eventualmente eu esteja atentando ao Estado Democrático de Direito ou à Justiça Eleitoral”, desabafou Zambelli em um vídeo que circula nas redes sociais.

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply