Notícias

“Toma vergonha na cara!”: Malafaia reprova presença de cantores gospel no Rock in Rio

Rock in Rio, festival de música secular realizado com suporte do Grupo Globo, foi tema de um tópico do sermão pregado pelo pastor Silas Malafaia sobre a graça de Deus, e o líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) criticou artistas gospel que compareceram a um dos dias do evento.

De acordo com Malafaia, são pessoas que pregam uma “graça leviana”, pois não têm compromisso, e nem incentivam aqueles que os seguem a viverem em santificação

“Eu to vendo aí cantores famosos que tem milhões [de seguidores] no YouTube [dizerem] ‘não tem problema cantar música profana’. Estão ensinando isso à nossa garotada. Crentes indo no Rock in Rio… vai tomar vergonha nessa cara! Músicas profanas, que debocham de Deus!”, lamentou o pastor.

A pregação de Malafaia no domingo, 06 de outubro, teve outros pontos polêmicos, como sua crítica à compreensão teológica calvinista, adotada pela maior parte das igrejas reformadas brasileiras.

Ainda sobre a influência do mundanismo no meio evangélico, o pastor recitou um trecho da carta do apóstolo Paulo aos fiéis em Corinto, quando exortou o povo de Deus a abandonar práticas de vida que contradizem o Evangelho.

“Que conversa é essa? Na tua Bíblia não tem II Coríntios, capítulo 6, a partir do versículo 14? Eu cito pra você: ‘Que sociedade tem a justiça com a injustiça? Que comunhão tem a luz com as trevas? Que concórdia entre Cristo e Belial? Que parte tem um fiel com um infiel? Que consenso há entre o templo de Deus e os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse ‘Neles habitarei e com eles andarei, eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo pelo que saí do meio deles. Apartai-vos, não toqueis nada imundo, então eu vos recebereis. Eu serei para vós, Deus, e vós sereis para mim, filhos e filhas’”.

“Eu admiro pastores que dão cachês milionários para essa gente que está deturpando a nossa juventude. E vai ver a vida de muitos deles, vivem em prostituição. ‘Ah, mas canta muito lindo’, ‘Mas prega muito’. Estamos substituindo caráter por talento”, concluiu o pastor.

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma reposta